A comunidade está de cara nova!
Atividades
  • Notificações
  • Tags
  • Favoritos
Nenhuma notificação

Nutrição e sustentabilidade: como podemos prevenir o desperdício de alimentos?

Nutrição e sustentabilidade: como podemos prevenir o desperdício de alimentos?
Academia da Nutrição
abr. 7 - 4 min de leitura
8 Curtidas
2 Comentários
0

A sustentabilidade é um tema que vem ganhando cada vez mais atenção dentro da Nutrição

Pensar nossos hábitos alimentares como parte de um sistema maior, e que é capaz de afetar o meio ambiente ainda é uma novidade.

Mas com o avançar das pesquisas que elucidam a associação entre alimentação e ecossistema, o tema vem ganhando força. Podemos até dizer que começa a influenciar os padrões de comportamento alimentar de algumas populações e classes. 

 

A problemática do desperdício de alimentos

De acordo com a Organização das Nações Unidas, em 2019, 17% dos alimentos disponíveis para consumo no mundo foram desperdiçados.

Além disso, a pesquisa Índice Desperdício de Alimentos 2021, do Programa das Nações Unidas para o Meio Ambiente - PNUMA, analisou 54 países desenvolvidos e em desenvolvimento, e constatou que todos eles têm um desperdício de alimentos importante.

A problemática desse desperdício abrange tanto fatores socioeconômicos, quanto também afeta diretamente o meio ambiente. No caso deste, o alimento em decomposição é responsável pela emissão de gases de efeito estufa.

No caso dos fatores socioeconômicos, é possível pensar no balanço entre pessoas em situação de fome e desnutrição e o quanto de alimento é desperdiçado.

 

De acordo com Inger Andersen, diretora executiva do PNUMA, “a redução do desperdício de alimentos cortaria a emissão de gases de efeito estufa, retardaria a destruição da natureza para conversão de terras e da poluição e, assim, reduziria a fome e economizaria dinheiro [...]” 

 

Ações de combate

Tendo tudo isso em vista, foram criadas ações que buscam a prevenção, diminuição e conscientização das pessoas em relação ao desperdício de alimentos.

No Brasil, algumas destas iniciativas vêm de empresas privadas e outras são determinações governamentais, mas todas têm um objetivo comum: lutar contra este desperdício tão presente nos lares, estabelecimentos e sistemas alimentares como um todo. 

 

Uma das mais recentes ações governamentais é a Lei 14.016, a qual autoriza a doação de alimentos excedentes dentro da validade e condições ideais de conservação e consumo, que entrou em vigência em 2020.

Já para as demais iniciativas, existem várias empresas e startups que trabalham com a distribuição de alimentos, alguns aplicativos que realizam a venda de alimentos não usados ou comercializados durante o expediente normal de uma empresa ou restaurante, de forma a evitar que estes sejam jogados no lixo.

 

Também, a Associação Brasileira das Indústrias de Biscoitos, Massas Alimentícias e Pães & Bolos Industrializados (ABIMAPI), está promovendo, durante o mês de abril, uma iniciativa nomeada Dia Mundial Contra o Desperdício”.

A iniciativa visa alertar a população sobre essa temática e causar um impacto social e ambiental, além de mobilizar, educar e promover uma mudança de comportamento na população em relação ao desperdício de alimentos.

A ação tem um maior destaque no dia 27 de abril, mas ela passa o mês buscando engajar associados, parceiros e formadores de opiniões a compartilharem soluções sobre o problema e auxiliarem no objetivo final de conscientização da população. 

 

E a nutricionista nesse contexto?

A conduta da Nutricionista também é muito importante para a promoção dessa conscientização sobre o desperdício de alimentos.

Pode fazer parte de nosso papel, o reforço na orientação sobre como utilizar sobras de alimentos, seja em receitas que usam o alimento de forma integral ou até como devolvê-lo para o meio ambiente, em forma de adubo, por exemplo. 

Além disso, também podemos informar nossos pacientes sobre estas ações, empresas e aplicativos que trabalham com a finalidade de reduzir este desperdício.

Inseri-los no dia a dia do paciente, pode ser fácil e ainda ter um impacto positivo para o meio ambiente. 

 

São inúmeras as ferramentas que podemos usar para tornar os hábitos alimentares das pessoas mais sustentáveis, basta saber qual se encaixa melhor na rotina de cada um dos pacientes. 

Então Nutri, você já sabia dessas ações de combate ao desperdício de alimentos?

Conhece mais alguma?

Escreva aqui nos comentários, vamos adorar conhecer mais formas de promover a sustentabilidade! 

 

Referência Bibliográfica

Organização das Nações Unidas. ONU: 17% de todos os alimentos disponíveis para consumo são desperdiçados. Março 2021[homepage internet]. Acesso em 04 Abr 2022. Disponível em: https://brasil.un.org/pt-br/114718-onu-17-de-todos-os-alimentos-disponiveis-para-consumo-sao-desperdicados 

 


Denunciar publicação
8 Curtidas
2 Comentários
0
0 respostas

Indicados para você